CLASSIFICADOS ON-LINE   |   CLASSIFICADOS IMPRESSO   |   DESENVOLVIMENTO DE SITES   |   GRÁFICA   |   MÍDIA INDOOR   |   REDES SOCIAIS   |   VÍDEOS ANIMADOS   |   NOTÍCIAS

Parcela de ajuda financeira a estados e municípios pode ser paga ainda em maio, diz secretário

Depósito vai exigir 'grande esforço', segundo Waldery Rodrigues. Presidente Bolsonaro disse que sancionará projeto ainda nesta quinta; chance de reajuste a servidores deve ser vetada. O secretário especial da Fazenda do Ministério da Economia, Waldery Rodrigues, afirmou nesta quinta-feira (21) que a primeira parcela da ajuda financeira aos estados e municípios pode ser paga ainda em maio. A tentativa, segundo ele, vai exigir 'grande esforço'' “É possível que aconteça ainda em maio? Sim. Mas vai exigir de todas as partes um grande esforço”, declarou em coletiva no Palácio do Planalto. A ideia, segundo Waldery, é manter o cronograma aprovado pelo Congresso Nacional, que prevê o repasse de R$ 60,15 bilhões a estados e municípios, dividido em quatro parcelas mensais. Bolsonaro se reúne com governadores e defende congelar salários de servidores Os recursos, segundo o texto sob análise do presidente Jair Bolsonaro, serão divididos da seguinte forma: R$ 50 bilhões: compensação pela queda de arrecadação (R$ 30 bilhões para estados e DF; R$ 20 bilhões para municípios); R$ 10 bilhões: ações de saúde e assistência social (R$ 7 bilhões para estados e DF; R$ 3 bilhões para municípios). O projeto ainda suspende as dívidas de estados e municípios com a União, inclusive os débitos previdenciários parcelados pelas prefeituras e que venceriam este ano. Este ponto deve gerar um impacto de R$ 60 bilhões à União. Nesta quinta, Bolsonaro se reuniu pela internet com governadores e disse que sancionaria o auxílio financeiro até o fim do dia. Também pediu que haja apoio e consenso sobre o veto ao trecho que permitiria reajustes a categorias de servidores públicos até dezembro de 2021. Aconselhado pela equipe econômica, Bolsonaro já afirmou diversas vezes que pretende ouvir o ministro Paulo Guedes e vetar qualquer chance de reajuste. No período entre a aprovação do texto no Congresso e a sanção, no entanto, deputados e senadores já aprovaram um reajuste a policiais e bombeiros do Distrito Federal. Senado aprova projeto que prevê ajuda a estados e municípios durante a pandemia Initial plugin text


Fonte: G1 > Rio de Janeiro
https://g1.globo.com/economia/noticia/2020/05/21/parcela-de-ajuda-financeira-a-estados-e-municipios-pode-ser-paga-ainda-em-maio-diz-secretario.ghtml


Boletim Informativo

Cadastre-se para receber nosso boletim informativo e notícias de sua cidade ou região.


Copyright 2013-2020 Classificados da barra - (21) 4107-6698 / 3502-0876 / 96475-6947.
Classificados da Barra LTDA, CNPJ: 28.894.203/0001-98, Rua Esperança, 259 SL 01 , Vargem Grande, Rio de Janeiro/RJ, CEP: 22785-590 Todos os direitos são reservados. Proibido a reprodução sem a devida autorização.