CLASSIFICADOS ON-LINE   |   CLASSIFICADOS IMPRESSO   |   DESENVOLVIMENTO DE SITES   |   GRÁFICA   |   MÍDIA INDOOR   |   REDES SOCIAIS   |   VÍDEOS ANIMADOS   |   NOTÍCIAS

Novo secretário de Saúde do RJ diz que vai dar prioridade a leitos de enfermaria para reduzir a demanda de UTI

Objetivo é tratar os pacientes com sintomas mais leves da Covid-19 e evitar que eles retornem aos hospitais com quadro mais grave e ocupem os leitos de UTI. Uma das prioridades de Fernando Ferry, que assume a Secretaria Estadual de Saúde do Rio, será a inauguração de leitos em enfermaria no Hospital de Campanha do Maracanã para tratar pacientes com Covid-19. Então, os pacientes que chegarem às UPAs, às emergências, com quadro de coronavírus, já poderão ser tratados nessas enfermarias — e não mandados de volta para casa. O objetivo dessa medida é evitar que os pacientes que voltam para casa, retornem aos hospitais já em estado grave e ocupem leitos de UTI. Há falta de respiradores. De acordo com o último boletim da secretaria, o RJ tem mais de 22 mil casos e 2.715 mortes por Covid-19. Fila de leitos de UTI para Covid-19 no Rio. Reunião nesta segunda Ferry vai se reunir ainda na manhã desta segunda-feira (18) com Edmar Santos, que foi exonerado após atrasos e denúncias nas obras dos hospitais de campanha para pacientes com Covid-19. Apesar do afastamento, Santos vai dirigir uma "comissão de notáveis no enfrentamento à pandemia do coronavírus". Fernando Ferry é o novo secretário estadual de Saúde do Rio de Janeiro Histórico do novo secretário Fernando Raphael de Almeida Ferry tem 25 anos de experiência no atendimento a pacientes com HIV e foi o coordenador do primeiro mestrado de HIV/AIDS do Brasil. Trabalhou como professor e pesquisador na Unirio e como diretor-geral do Hospital Gafrée e Guinle. Antes de se formar em Medicina pela Unirio, em 2000, trabalhou como Veterinário, com mestrado e doutorado em Parasitologia Veterinária. Ferry ganhou notoriedade em setembro passado ao dirigir uma ambulância para ajudar a transferir pacientes vítimas do incêndio do Hospital Badim. Diretor do Gaffrée Guinle dirigiu ambulância para resgatar pacientes do Hospital Badim Durante sua gestão no Gafrée e Guinle, foi restaurada a antiga maternidade do hospital, que atualmente é voltada para gestante de alto risco. Também foi renovado o centro cirúrgico. Em 2018, Ferry foi acusado por funcionários do hospital de furar a fila do Sistema de Centrais de Regulação (Sisreg) para favorecer indicações de pastores ligados ao prefeito Marcelo Crivella.  Em novembro passado, Ferry recebeu a medalha Tiradentes, da Alerj, por indicação da deputada estadual Marina Rocha (PMB-RJ).


Fonte: G1 > Rio de Janeiro
https://g1.globo.com/rj/rio-de-janeiro/noticia/2020/05/18/novo-secretario-de-saude-do-rj-diz-que-vai-dar-prioridade-a-leitos-de-enfermaria-para-reduzir-a-demanda-de-uti.ghtml


Boletim Informativo

Cadastre-se para receber nosso boletim informativo e notícias de sua cidade ou região.


Copyright 2013-2020 Classificados da barra - (21) 4107-6698 / 3502-0876 / 96475-6947.
Classificados da Barra LTDA, CNPJ: 28.894.203/0001-98, Rua Esperança, 259 SL 01 , Vargem Grande, Rio de Janeiro/RJ, CEP: 22785-590 Todos os direitos são reservados. Proibido a reprodução sem a devida autorização.