CLASSIFICADOS ON-LINE   |   CLASSIFICADOS IMPRESSO   |   DESENVOLVIMENTO DE SITES   |   GRÁFICA   |   MÍDIA INDOOR   |   REDES SOCIAIS   |   VÍDEOS ANIMADOS   |   NOTÍCIAS

Empresários pedem reabertura gradativa do comércio em Sergipe

Empresários pedem reabertura gradativa do comércio em Sergipe

Publicado em | 14 Abr 2020

Compartilhe:

Classe entregou cartas ao governo do estado e à prefeitura da capital. Calçadão do centro comercial de Aracaju Ascom/PMA/Arquivo A Fecomércio em Sergipe informou que entidades de classes empresariais entregaram ao governo do estado e à prefeitura de Aracaju, nessa segunda-feira (13), cartas com sugestões para reabertura gradativa do comércio, dentro das normas orientadas pelo Ministério da Saúde para contenção da pandemia do novo coronavírus. Estabelecimentos de serviços considerados não essenciais foram fechados no dia 21 de março. Veja as propostas e solicitações da classe: O comércio de rua adotará medidas de segurança sanitária: As lojas se responsabilizarão pelo controle de acesso do público dentro delas para evitar a aglomeração de pessoas; Todas as lojas só poderão funcionar com a capacidade máxima de uma pessoa por 5 m²; As lojas se obrigarão a colocar na sua entrada, de forma visível, a quantidade máxima de pessoas que poderão estar dentro dela ao mesmo tempo; Uso de equipamentos de proteção individual para os vendedores e atendentes e álcool 70% nas dependências dos estabelecimentos; A permanente higienização para as maquinetas de cartão; Distância mínima de 2 metros entre os colaboradores; As lojas obrigam-se a fazer demarcação de distanciamento mínimo nas filas de caixa; Reabertura dos estacionamentos, uma vez que é um local que não possui concentração de pessoas; Medidas de segurança sanitárias em bares e restaurantes: Controle do número de acesso de clientes em seus estabelecimentos, evitando aglomerações; Manter o distanciamento de mesas em, no mínimo, dois metros; Disponibilização de álcool gel 70%; Treinamento dos funcionários e utilização de luvas e máscaras; Todos os clientes deverão higienizar as mãos ao entrar no estabelecimento, dando prioridade pertencente ao grupo de risco. Solicitações ao poder público: Adoção de medidas sanitárias, como a higienização de ruas; As prefeituras, através dos órgãos competentes e da sua estrutura operacional, farão um esforço para fiscalizar o acompanhamento das normas; Agentes da assistência social para verificar se existe a circulação de pessoas acima dos 60 anos; Disponibilização de postos de álcool gel para a população; Reforçar a segurança permanente na área do Centro Comercial com a presença da Polícia Militar e da Guarda Municipal; Colocar cercas de isolamento para controlar o fluxo de pessoas; Colocar equipes de enfermagem em diversos pontos para medir temperatura; Colocar estrutura para higienização das mãos em vários pontos das áreas comerciais; O que dizem os governos? O governo do estado informou que recebeu os documentos e que uma equipe técnica está estudando prováveis medidas e analisando as demandas. Já o município ainda não se manifestou sobre as solicitações. Initial plugin text


Fonte: G1 > Rio de Janeiro
https://g1.globo.com/se/sergipe/noticia/2020/04/14/empresarios-pedem-abertura-gradativa-do-comercio-em-sergipe.ghtml


Boletim Informativo

Cadastre-se para receber nosso boletim informativo e notícias de sua cidade ou região.


Copyright 2013-2020 Classificados da barra - (21) 4107-6698 / 3502-0876 / 96475-6947.
Classificados da Barra LTDA, CNPJ: 28.894.203/0001-98, Rua Esperança, 259 SL 01 , Vargem Grande, Rio de Janeiro/RJ, CEP: 22785-590 Todos os direitos são reservados. Proibido a reprodução sem a devida autorização.